terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

NAMASTÊ!


Hoje, 21 de Fevereiro, por volta das 22h33min [horário de Brasília] teremos a Lua Nova em Peixes. 

A Lua Nova é excelente oportunidade para se plantar a "semente de energia" para um novo ciclo de 28 dias, e que poderá ter na Lua Cheia - daquai  14 dias - a colheita de bons "frutos". Agindo com consciência na Lua Nova pode-se obter favorecimentos na Lua Cheia. 
E hoje a Lua Nova ocorrerá no signo de Peixes, e com um diferencial enorme: conjunção Sol-Lua-Netuno. Trata-se de um novo ciclo lunar [chama-se Lunação] onde a sensibilidade tão conhecida dos piscianos terá seu máximo apogeu, na verdade um "crescente de sensibilidade" até a Lua cheia daqui a 14 dias. 
E isso pode ser bom, muito bom, para os que procuram o lado positivo desta extrema sensibilidade, principalmente dando atenção às coisas espirituais; como pode ser muito ruim para os que se deixam levar pela embriagues dos sentidos. Peixes é assim, tem seus altos e baixos, mas os "baixos" podem significar o fundo do poço. E é preocupante em se tratando desta Lua nova numa terça de carnaval onde muitos se entregam a bebida, drogas e sexo, como se o mundo fosse acabar; e aí os frutos.... bem.... poderão ser bem amargos...
Que possamos tirar o máximo proveito desta Lua Nova em Peixes com muita reflexão e sensibilidade...


quinta-feira, 21 de abril de 2011

Stellium em Áries, pressa e a Páscoa

Vivemos dias de um poderoso stellium  em Áries gerando tamanha pressa pelas coisas, como se o mundo fosse acabar amanhã, que mal nos damos conta de que o tempo é nosso amigo, desde que olhemos para dentro ao invés de tentar "imitar" a correria dos que fogem de si mesmos empurrados pela mídia e o desconforto de parecer menor que o outro



Hoje mesmo fiquei  pensando, meditando, enquanto esperava na fila do supermercado, um corre corre louco e desenfreado se fingia do desejo de comemorar a Páscoa... mas...que Páscoa?  O que ela representa?  Ovos de páscoa e bacalhau?!
Jesus Cristo, nosso Senhor, Ressuscitou ...
e continua conosco, como para nos dizer em Verdade e Vida:

"Onde estiver o teu tesouro aí estará o vosso coração", conforme no belíssimo Sermão do Monte.

Comemoremos sim, com mesa farta, por que não? Trocar ovos de páscoa sim... 
Todavia, não nos esqueçamos da mensagem de Vida do Sublime Peregrino que desceu até nós para nos lembrar de que a Vida é mais do que o corpo, o alimento e as vestes.

O espírito destes dias é de pressa e desejo de chegar a algum lugar.... mas onde???

Para nos auxiliar na busca da Sobriedade e nos determos na Calma e Mansidão, Saturno retrógrado está em Libra se opondo a este stelliumcomo se nos convidasse a busca de um Equilíbrio distante...

Meditemos a respeito...

Paz & Bem.
Haroldo Mendonça

quarta-feira, 16 de março de 2011

Ano Novo Astrológico, Urano e Super Lua

"As pessoas têm medo das mudanças. Eu tenho medo que as coisas nunca mudem."
Chico Buarque

Declaração assim tão genial só tendo a autoria de um iluminado, como Chico Buarque.

Este é o espírito destes tempos: vamos nos mexer, é preciso;  sair do lugar..do lugar comum, mudar...!
Dia 20 de Março, às 20h20min (de Brasília), o Sol  atravessa o Ponto Vernal (Áries) e inaugura um Novo Ano Astrológico: é o Equinócio. Para nós do Sul início de Outono e para os irmãos do Norte início da Primavera.

Com o ingresso do Sol em Áries inicia-se um novo ciclo em que o Astro Rei atravessará os  "12 portais", são os 12 signos, em que a Vibração Maior  virá até nós numa miríade de possibilidades. Cada um dançará conforme a música, ou melhor, conforme o mapa natal viverá a ressonância ou não com os propósitos do Céu.
Tem ainda o grande encontro do Sol com Urano em Áries, que se torna tão importante pelo fato de Urano voltar a Áries 84 anos depois. E neste encontro um grande simbolismo, como se representasse a marca da amplitude do poder transformador destes novo tempos.
E para fixar mais , teremos uma Lua Cheia, ou melhor, Super Lua no dia 19, sábado. A Lua aparecerá mais exuberante, mais cheia do que o normal no próximo sábado,  porque estará mais próxima da Terra. A última vez foi em 1992. É o Perigeu Lunar.



São eventos que juntos formam como que um sinal no céu de que devemos nos preparar para novos dias: Equinócio, Super Lua, Urano retornando a Áries...   Será o acaso? "Deus não joga dados", disse o grande Einstein. 
Estará em jogo nossa capacidade de nos adaptarmos às mudanças em nossas vidas.

E eu termino aqui, deixando vocês  com um trecho de "O Trem das Sete", de  outro gênio da música - Raul Seixas... Pois o Trem das Sete já vai passar... de novo...

Ói, olhe o céu, já não é o mesmo céu que você conheceu, não é mais
Vê, ói que céu, é um céu carregado e rajado, suspenso no ar


terça-feira, 8 de março de 2011

O MAPA da mina

Saudações nestes dias de tom Pisciano...

Analisar um mapa astral é buscar entender o mapa da mina. Que dizer, procurar as pistas (astros-aspectos-casas astrológicas, etc) que nos levarão ao encontro do ouro ou a pedra preciosa que todos temos escondido dentro de nós.
O Ouro das Virtudes da Alma que precisa ser descoberto; a Pedra Preciosa que brilha no escuro de nosso Inconsciente e que nos fará ascender a novos patamares evolutivos.
Com o mapa astral bem interpretado, analisado como tem de ser, sem firulas, engôdos e fórmulas prontas e mágicas (bem ao estilo "nova era tudo é festa"), a pessoa tomando consciência do que precisa trabalhar em si, aparar e desenvolver, fará uso desta poderosa "ferramenta" que é a Astrologia para o despertar das potencialidades que traz e carrega como talentos que herdou como Filho deste Universo.

A Astrologia até pode não ser considerada ciência (conforme o conceito de ciência hoje) pelos que se dizem sábios, homens de letra e catedráticos de plantão... Ora bolas, pouco importa! Porque o que vale é a ponte que se constrói de fácil uso para quem quer atravessar o rio caudaloso dos medos, inseguranças e temores, quando se conhece o potencial que todos temos, o tremendo repertório de musicalidade latente que nos conduzirá ao sublime concerto universal.


A Astrologia é assim, Ciência Divina ... E no meu entender paira sobre todas as críticas, ficando acima das pesquisas de meia hora.
Voltando ao mapa astral, ou carta celeste, muito se tem ainda a buscar entendimento, pois a carta celeste é, sem dúvida, enorme manancial de informações sobre quem somos e o que poderemos vir a SER.
Como disse, é o mapa da mina, que nos conduzirá - se assim desejarmos - ao Tesouro de nós mesmos, enfeixado entre as camadas de nossa psiquê ainda mal compreendida.
Somos o que somos... Imortais, ...mas caídos na matéria, onde de tempos em tempos (reencarnando), buscamos nos libertar de Maya (ilusão) ao encontro da Suprema Ventura que é Ser Divino.

Paz Profunda,
Haroldo Mendonça